*** em construção ***



sexta-feira, 27 de agosto de 2010

TETRO - 2009


Título Original: Tetro
Direção: Francis Ford Coppola
Produção: Francis Ford Coppola
Roteiro: Francis Ford Coppola
Gênero: Drama
Origem: EUA / Itália / Espanha / Argentina
Ano de lançamento: 2009
Música: Osvaldo Golijov
Fotografia: Mihai Malaimare Jr.
Efeitos especiais: Universal Production Partners / Wanka Cine & Animacion
Audio: inglês / espanhol / italiano
P/B
http://www.imdb.com/title/tt0964185/ - 7.1/10

SITE OFICIAL: http://www.tetro.com/


Sinopse:

Prestes a completar 18 anos, Benjamin Tetrocini (Alden Ehreinreich) vai a Buenos Aires para tentar encontrar seu irmão mais velho, Tetro (Vincent Gallo), que está desaparecido há mais de uma década. Sua família se mudou da Itália para a Argentina quando eles ainda eram crianças mas, graças ao sucesso do pai deles, Carlo (Klaus Maria Brandauer), como condutor de sinfonias, logo se mudaram para Nova York. Bennie consegue encontrar o irmão, mas ele não é quem esperava. Tetro tornou-se um poeta melancólico, bem diferente da pessoa que Bennie se lembrava. O período em que ele vive com o irmão e sua namorada Miranda (Maribel Verdú) faz com que relembrem experiências do passado.


Elenco :

Vincent Gallo (Tetro)
Maribel Verdú (Miranda)
Alden Ehrenreich (Bennie)
Klaus Maria Brandauer (Carlo)
Carmen Maura (Alone)
Rodrigo de la Serna (Jose)
Leticia Brédice (Josefina)
Mike Amigorena (Abelardo)
Sofia Castiglione (Maria Luisa)
Francesca de Sapio (Amalia)
Adriana Mastrángelo (Angela)
Silvia Pérez (Silvana)
Erica Rivas (Ana)


Comentários:

Tetro conta a história de uma família - os Tetrocini.
"Nada do que aparece no filme de fato aconteceu, mas tudo é verdade", disse Coppola, respondendo ao crescente rumor de que a trama, recheada com caprichos de um pai tirano e rivalidade entre irmãos, é autobiográfica. Alimenta os rumores o fato de que o patriarca dos Tetrocini e seu irmão são músicos, assim como o foram pai e tio de Coppola.
O longa, que teve suas primeiras notícias divulgadas ainda em 2007, tem a intenção de retratar um pouco da vida do próprio Coppola. "Na minha idade, estou disposto a olhar minha vida como material de pesquisa para meus futuros filmes", declarou o cineasta.

No filme, Vincent Gallo interpreta Angelo, primogênito do maestro Tetrocini. Ele aspira a ser escritor, mas, como "nesta família só há lugar para um gênio", conforme lhe diz seu pai, Angelo corta os laços com todos os parentes, muda-se para Buenos Aires e passa a assinar apenas Tetro. O protagonista é um poeta frustrado, um escritor não publicado, um “gênio falido” como classifica sua namorada. E Coppola captura tudo isso como quem pinta um quadro expressionista. “O preto e branco apenas parecia a ferramenta mais apropriada para dar vida a essa história”, disse o diretor na coletiva em Cannes. Tetro vive na multicolorida região de La Boca, mas Coppola filmou toda a ação na Argentina em preto-e-branco. Apenas as raras cenas em que os personagens se lembram do passado são coloridas. Os diálogos de Tetro com seus amigos portenhos, como o dono de teatro José, vivido por Rodrigo De la Serna ("Diários de Motocicleta"), se dão em espanhol.

Tetro também rendeu a Coppola um contratempo curioso. Seu estúdio na Argentina foi arrombado e, entre outras coisas que os assaltantes levaram, estava o computador com o roteiro original do filme. Coppola teve que reescrevê-lo confiando na memória e em seu instinto.


Onde encontrar: DON'T PANIC / CINE GRÁTIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário